Prédio imita formas da natureza e fornece energia limpa

O escritório americano B+U projetou um edifício que imita as formas da natureza. Planejado para Lima, a capital do Peru, o prédio interativo deve mostrar como a arquitetura e a tecnologia podem colaborar com o meio ambiente.

O projeto é de um prédio residencial com 20 andares de altura que inova no design e na funcionalidade. Ele deixa de lado a homogeneidade e simetria e investe em formas soltas.

As janelas são um dos destaques por funcionarem como uma espécie de varanda. O objetivo é que elas consigam promover a troca energética entre o ambiente interno e externo. Elas também serão revestidas com películas fotovoltaicas, que fornecerão energia limpa aos moradores.

A parte externa da construção será feita em gesso e fibra de vidro translúcida. Os detalhes também serão iluminados com lâmpadas de LED.

A ideia dos arquitetos é que o prédio seja construído com estacionamento subterrâneo para 90 carros. Ele também pode ter um espaço para um café no térreo, dois jardins, terraço, piscina e vista para um campo de golfe. No projeto da construção também há piscina e jardim no terraço da coberta do edifício.

Com esse projeto, o escritório B+U espera ajudar a revolucionar e redefinir a construção civil para padrões menos invasivos.

Fonte: Info Abril
logopet