LG mostra conceito de TV com menos de 1 milímetro de espessura

LG mostra conceito de TV com menos de 1 milímetro de espessura

A LG Display, divisão da coreana responsável pelo desenvolvimento da tecnologia de telas da empresa, apresentou um novo conceito de televisor: uma TV OLED tão fina que serve como “papel de parede”, com menos de 1 milímetro de espessura.

Em evento para a imprensa coreana, a LG apresentou o conceito da TV ultrafina, com 55 polegadas que pesa apenas 1,9 quilo. Usando uma esteira magnética, ela pode ser “colada” na parede; para remover, basta separá-la do ímã.

É importante observar que ainda não se trata de um produto comercial, mas de uma prova de conceito. Assim, não é possível adquirir uma tela como a apresentada pela companhia. A LG Display tenta apenas apresentar o que está por vir em relação às tecnologias de telas e televisores.

Uma certeza é que, no que depender de LG e da principal concorrente, a Samsung, a tecnologia OLED deve dominar o mercado em breve. Este tipo de display adiciona um material orgânico que emite luz própria e elimina a necessidade do backlight de LED, fazendo com que as telas fiquem mais finas, o que é uma vantagem para várias categorias de produtos, como TVs, celulares, tablets, monitores e relógios inteligentes.

O problema do OLED, no entanto, é que até o momento os displays que utilizam a tecnologia são mais caros. Isso se deve, em partes, ao fato de que o rendimento é historicamente baixo, com muitos painéis que não são realmente funcionais. Mais desperdício significa um preço final maior. No entanto, a LG diz que conseguiu chegar a um rendimento de 80%, um aumento significativo, mas ainda inferior ao do LCD comum.

A empresa espera vender 600 mil painéis de OLED neste ano e 1,5 milhão no ano que vem. No entanto, eles não devem superar o LCD como o padrão do mercado por um bom tempo, talvez entre 5 e 10 anos.

 

Fonte: Olhar DigitalLogo Pet 2

1008jia2001

%d blogueiros gostam disto: