Cientistas criam baterias flexíveis que se acoplam em camisas

Bateria nas roupas

Cientistas da Escola Politécnica de Montreal, liderados pelo pesquisador Maksim Skorobogatiy, construíram uma bateria que fosse tão flexível a ponto de ser acoplada em camisas. Os engenheiros do Canadá inventaram uma forma de fazer com que as baterias fossem feitas de fios grossos, sendo assim instaladas em um tecido de algodão qualquer, para acionar um sistema elétrico também integrado à roupa, como LEDs ou até sistemas mais complexos, como gadgets.

Apesar de flexíveis, todos os materiais são sólidos e resistentes, lembrando um pouco o couro, e são mais seguros do que levar baterias no bolso, como é a solução utilizada atualmente por quem deseja ter blusas inteligentes. Além disso, Skorobogatiy diz que sua bateria, acoplada nas camisas, pode ajudar a salvar vidas, caso esteja unida a um desfibrilador ou emitindo sinais de alerta quando o organismo de uma pessoa está desregulado.

Porém, nem tudo é flores nessa nova bateria. O maior defeito, e talvez o mais significativo, é que elas ainda não são laváveis, o que poderá impossibilitar o uso das camisetas por um longo prazo. Mas os pesquisadores afirmam que já estão procurando formas de isolar a bateria para protegê-la contra os danos causados pela água.

Fonte: Techtudo